skip to Main Content
UMA REFLEXÃO SOBRE MULHER E MOTOCICLISMO

UMA REFLEXÃO SOBRE MULHER E MOTOCICLISMO

Na última matéria que falamos sobre mulher e motociclismo, fizemos uma entrevista onde a rider entrevistada respondeu várias perguntas sobre o assunto (veja aqui). Mas ela não foi a única a falar sobre sua paixão pela motocicleta, desta vez conversamos com outra rider, a Joice Garcia, que relatou um pouco da sua história com o motociclismo. Bora conferir?

joice

Foto: Passeio Triumph na Vila da Glória (veja aqui).

COMO TUDO COMEÇOU

Sempre gostei muito de moto e achava o máximo quando via alguém passando na rua ou quando lia matérias sobre, tudo o que pensava era “o quão incrível deveria ser a sensação de pilotar”. Por isso, quando fiz 18 anos, logo tirei a CNH para carro e também, moto.

Meu marido é outro apaixonado por motociclismo e tinha uma moto de outra marca na época, ou seja, me levava sempre na garupa. Mas eu, com todo respeito, particularmente, achava um saco andar na carona, por isso decidi comprar, há mais ou menos dois anos, uma para chamar de minha.

Na época visitamos algumas concessionárias, mas quando meu marido me levou na Triumph Floripa, não teve jeito, foi ali que escolhi a minha Street Triple R 675, que por sinal eu nem consegui tirar dar loja. (risos). Logo na sequência, ele comprou uma Tiger 800 e hoje somos conhecidos como um casal Triumph pelas estradas.

Confira a matéria sobre a viagem do casal a São Bento do Sul.

 INCERTEZAS

Algo que sempre é dúvida, e receio da mulherada, é em relação à altura e peso da moto, eu também passei por isso. O que posso afirmar é que o peso você se acostuma, com tempo vai adquirindo habilidade e logo nem percebe mais. O que antes parecia um “elefante”, hoje nem lembro que um dia me preocupei. O mais importante é alcançar os pés no chão, o máximo possível, e não apenas os dedinhos. Eu tenho 1,65 e minha Street pesa 180 quilos, atualmente me sinto muito confortável em pilotá-la.

FRIO NA BARRIGA

Lembro que no início, em qualquer lugar que eu fosse, analisava o trajeto para verificar qual o nível de dificuldade ou obstáculos que encontraria. Se me sentisse segura, eu iria, caso contrário, mudava a rota. Tinha um certo ‘medo’, por exemplo, de morros. Me recordo de algumas vezes que queria ir na Lagoa da Conceição, mas dizia para o meu marido: ‘tenho medo do morro da Lagoa’. Minha aflição era em cair e quebrar a moto, além é claro de me machucar.

Com o tempo superei tudo isso e de uma forma suave, pois sempre respeite meus limites. Nunca deixei de andar, apesar de no início ter evitado ir para alguns lugares, mas após rodar mais alguns quilômetros e adquirir mais confiança e habilidade, esses lugares passaram a fazer parte dos meus passeios. É o que gosto de dizer: ‘tudo ao seu tempo’.

SER MOTOCICLISTA

Ser motociclista é uma sensação até difícil de escrever, só sei dizer que é demais. É muito especial você passar nas estradas e observar as pessoas te olharem e admirarem. A moto te proporciona marcar com pessoas que você não conhece para irem juntos a algum lugar, e então você passar a conhecer muita gente legal e faz novas, e incríveis, amizades. Também é muito massa passar na estrada por outros motociclistas que você nem sonha quem são. É muita parceria nas estradas. É uma cumplicidade fantástica.

A maioria dos pilotos são homens, mas mulheres não se acanhem. Venham fazer parte deste grupo, pois eles sãos parceiros e você é aceita com bastante facilidade, sem preconceito. Adoro trocar as minhas experiências com outras mulheres e encorajá-las, mostrando o quão maravilho é o mundo do motociclismo.

Não consigo expressar tamanha alegria e a sensação de pilotar, mas garanto que quanto mais piloto, mais quero pilotar. ♥”

Também não poderia deixar de registrar que a equipe da Triumph Floripa fez toda diferença nesse processo. São pessoas sensacionais, preocupadas com seus clientes e fazem todo o possível para nos atender sempre da melhor forma. Diria que lá não me sinto uma simples cliente, mas sim que estou entre amigos. Ir na Triumph é muito agradável e eles nos fazem sentir em casa.

Faça como Joice, mande seu relato para a gente. 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Ofertas e Eventos

Inscreva-se para receber todas as as novidades.

Florianópolis
+55 (48) 3244-1901
E-mail: contato@triumphfloripa.com.br

Av. Marinheiro Max Schramm, 3233, J.Atlântico – Florianópolis

2019 Triumph | Floripa - Direitos Reservados.

Back To Top
Close search
Search